INSTITUTO BRASILEIRO DE CIÊNCIAS CRIMINAIS

     OK
alterar meus dados           OK
ASSOCIE-SE


Cursos e Eventos

Mesa de Estudos e Debates: Painel IBCCRIM História da Justiça Penal no Brasil, dia 16 de setembro de 2005, às 14 horas.

Data: 16/09/2005 (sexta-feira)

Horário: 14h00

A todos os participantes será conferida uma declaração de participação com a devida carga horária

1º Mesa das 14h00 às 16h00 - 2º Mesa 16h30 às 18h30

Mesas Redondas

1 - Instituições penais, estratégias de controle social e pensamento jurídico.

"Lei e disciplinamento social - algumas observações sobre o direito português no final do Antigo Regime"
Airton Cerqueira-Leite Seelaender, Vice-Presidente do IBHD - Instituto Brasileiro de História do Direito, Doutor em Direito- Universidade J.W. Goethe (Frankfurt)

“A pesquisa sobre as políticas penitenciárias na segunda metade do século XX”.
Fernando Salla, Pesquisador Senior do NEV-USP (Núcleo de Estudos da Violência), Doutor em Sociologia, FFLCH-USP

“A Criminologia em São Paulo (1920-1945)"
Por: Marcos César Alvarez, Professor do Departamento de Sociologia da FFLCH/USP, pesquisador do NEV-USP, doutor em Sociologia, FFLCH/USP

“A polícia e a segurança pública em São Paulo (1946-1964)”
Thaís Batibugli, Mestre em História Social e Doutoranda em Ciência Política (USP)

Título: " Os limites da atividade policial em São Paulo, nas décadas de 1870 e 1880".
André Rosemberg, mestre e doutorando em História Social (FFLCH/USP)

Coordenador - Dr. Andrei Koerner

2- Justiça penal e Política
"Decisão judicial e poltíca"
Andrei Koerner, coordenador da Comissão de História do IBCCRim, professor do Depto. de Ciência Política na Unicamp

Em nome da segurança nacional: aspectos do funcionamento da Justiça Castrense durante o Regime Militar
Marco Aurélio Vannucchi Leme de Mattos, mestre e doutorando em História Social (FFLCH/USP)

"A atuação do Supremo Tribunal Federal no julgamento de crimes políticos durante o regime militar de 1964 (1964-1979)"
Walter Cruz Swensson Junior, doutorando em história social (FFLCH/USP)

“Anistia de 1979: um acerto de contas do Estado brasileiro com as vítimas do regime militar e suas implicações para a democracia ”,
Glenda Mezarobba, mestre e doutoranda em Ciência Política (FFLCH/USP)

Coordenadora - Dra. Carmem Silvia de Moraes Barros


           


IBCCRIM - Instituto Brasileiro de Ciências Criminais - Rua Onze de Agosto, 52 - 2º Andar - Centro - São Paulo - SP - 01018-010 - (11) 3111-1040